Sergipe Turismo

Museu Olimpio Campos

Conheçam o Palácio Museu Olimpio Campos que fica em Sergipe, na cidade de Aracaju, bairro centro. O museu guarda a história política e cultural do Estado de Sergipe.

Museu Olimpio Campos

O Museu Olimpio Campos tem como sede o palácio Olímpio Campos um dos mais importantes patrimônios do Estado. o prédio inaugurado em 1863, virou Museu quase 150 anos depois em 2010.

Sejam bem-vindos ao Palácio Museu Olimpio Campos, espaço que retrata um pouco da história de Sergipe, idealizado na época do Brasil Império o palácio foi criado para ser a sede do governo de Sergipe e também serviço de residência do governador de província, depois governadores, eles moravam e trabalhavam no prédio, eles moravam normalmente no andar de cima e eles faziam toda parte administrativa no andar inferior, no térreo e 1920 o palácio sofreu uma intervenção muito grande na arquitetura com a vinda da missão italiana para Sergipe na década de 1920.

O governador Pereira Lobo contratou uma equipe de artistas italianos para constituir parte do Acervo artístico que atualmente compõem o palácio e depois ele passa a ser denominado o palácio Olímpio Campos, o nome é uma homenagem ao jornalista sacerdote político Monsenhor Olímpio de Souza Campos e ganhou destaque como deputado federal do Estado de Sergipe e senador até meados de 1906 quando veio a falecer depois.

Ele vai ser tombado por lei estadual em 1985 e em 2010 ele passa a ser Palácio Museu Olímpio Campos o objetivo de transformar a instituição em museu foi para aproximar a população deste espaço e assim conhecer melhor a história do seu estado.

Logo no hall começamos a nossa visita lindos painéis, eles foram confeccionados por um artista aracajuano o nome dele era Jordão de Oliveira e o Jordão de Oliveira faz os painéis encomendado por um ex-governador chamado Leandro Maciel.

Jordão de Oliveira retrata neles as nossas primeiras economias a pecuária e depois da monocultura da cana-de-açúcar por as primeiras economias.

Já vai apresentar uma cultura da Economia mais recente historicamente que foi a cultura do coco e a produção do sal por conta das nossas Salinas hoje não sou mais essas culturas que movimenta a nossa economia

No prédio que foi construido no século 19 E nas suas paredes o hall de entrada trata isso mostrando as pinturas das Flores de lótus que são símbolos do Poder monárquico no Brasil Mas com todo o processo da implantação da República no país essa colocação dos painéis a colocação do lustre e a retomada de pinturas que retratam a República no Brasil transformam o nosso espaço no Marco da República ser de quanto o espaço província conta história de Sergipe a partir do momento em que o estado se torna independente da Bahia

Quando em 1534 o Brasil foi dividido em capitanias hereditárias o território de Sergipe fazia parte da capitania da Baía de todos-os-santos e só ganhou autonomia quase 300 anos depois a partir de 1820 com decreto Assinado por Dom João Sergipe se torna independente da Bahia nesse painel nós mostramos todos os nossos presidentes de província a partir de 1823 logo após o Brasil se tornar Independente de Portugal aqui também nós temos a cópia do nosso decreto de emancipação e o Imperador assinou em 8 de julho de 1820 ao lado nós temos outro documento extremamente importante que é o documento que mostra a visita de Dom Pedro indo a construção do Palácio logo acima o hino de Sergipe e ao nosso primeiro ponto Cívico criado no período imperial no Brasil

Informações sobre o Museu Olimpio Campos


Site Oficial
– Conheça o Museu Olimpio Campos através de um tour 3D pelo museu.